Como anunciar em redes sociais: o guia definitivo para 2021

Anunciar em redes sociais não precisa ser um bicho de sete cabeças. Essa tarefa já faz parte da rotina de milhares de empresas por gerar ótimos resultados para as vendas e o fortalecimento da marca.

Portanto, neste guia você vai entender a importância de investir nas mídias sociais, quais as principais plataformas do momento e as dicas para iniciar um planejamento.

Vamos lá?

Por que anunciar em redes sociais? 

As redes sociais se tornaram parte da rotina de milhões de pessoas – e não apenas para entretenimento. Ali também é lugar de fechar negócio, aumentar as vendas e tornar a sua marca conhecida.

Por isso, eis alguns motivos de anunciar em redes sociais:

As redes sociais ajudam a aumentar o tráfego do seu site

Se você tem um e-commerce, um site ou um blog por onde realiza vendas, anunciar em redes sociais é fundamental para levar mais tráfego para suas páginas.

Mesmo que você já invista em crescimento orgânico nas redes sociais da empresa – ou seja, na publicação de postagens de qualidade – investir em mídia paga ajuda a gerar resultados de forma mais rápida.

Aliás, esse é justamente o próximo motivo:

Anunciar nas redes sociais tem o custo baixo e resultados mais rápidos

Se o seu público está nas redes sociais, os resultados serão mais rápidos, já que os anúncios chegarão até ele. 

Além disso, os custos de cada anúncio são bem inferiores comparados a outros tipos de propaganda. Mais adiante aqui no post falaremos melhor sobre os tipos de custos. 

Outro ponto positivo em relação ao pagamento é a flexibilização. Além dos valores serem baixos, você mesmo configura o quanto está disposto a pagar – e pode interromper a publicação dos anúncios quando quiser. Isso é ótimo para o controle financeiro da empresa. 

As redes sociais promovem uma forte segmentação do público 

Outra grande vantagem dos anúncios em redes sociais é a segmentação. Você consegue configurar as principais características do seu público a ser atingido, como, por exemplo:

  • idade;
  • localização;
  • sexo;
  • interesses;
  • nicho de mercado.

Isso evita que os anúncios sejam entregues a quem não é o seu público-alvo, o que levaria a um desperdício de verba. 

As redes sociais ajudam nas estratégias de vendas

As funcionalidades das redes sociais têm ajudado as empresas a aumentarem suas vendas e a reforçarem suas estratégias. 

Exemplos são os botões de CTA (Call To Action, ou chamada para ação), como "entrar em contato", "visitar o site", ou, ainda, os recursos de compras dentro das próprias plataformas – como o Instagram Shopping, por exemplo. 

Anunciar nas redes sociais permite o monitoramento dos resultados

Um dos grandes benefícios dos links patrocinados (os anúncios pagos) certamente é a possibilidade de acompanharmos os resultados em tempo real.

Com isso, conseguimos entender melhor o comportamento e as características do público, quais anúncios geraram mais engajamento, quais precisam ser melhorados, quais os melhores formatos e mais uma série de itens. 

Qual a melhor rede social para anunciar a sua marca? 

Atualmente existem várias plataformas de anúncio em redes sociais para você anunciar. A escolha de quais serão dependerá do seu público-alvo.

São elas:

Facebook Ads

Para anunciar no Facebook, é preciso que a empresa tenha um perfil na rede para, assim, criar uma conta no Gerenciador de Anúncios do Facebook

É possível criar anúncios para atingir diferentes objetivos, como levar tráfego para o site, gerar leads, ampliar o relacionamento com os clientes, etc. Essa rede social é muito utilizada para negócios B2C. 

Instagram Ads

O Instagram Ads também pertence ao Facebook, e, portanto, os anúncios são feitos no próprio gerenciador de anúncios do Facebook, depois de vincular a página do Instagram da empresa.

Um diferencial do Instagram é que a empresa não precisa ter um perfil no aplicativo para poder anunciar. Os anúncios podem ser direcionados para outro site ou e-commerce da marca. E assim como no Facebook, é possível criar diferentes formatos de anúncios. 

LinkedIn Ads

O LinkedIn Ads é muito focado em estratégias B2B, já que é uma rede social profissional.

Então, se o seu negócio possuir outras empresas como clientes, não deixe de anunciar nessa plataforma. A audiência costuma ser mais segmentada e qualificada – portanto, mais apta à conversão. 

Twitter Ads

O Twitter continua sendo uma forte rede social. Anunciar na plataforma pode fazer com que aumente o número de seguidores para o perfil da empresa, além de aumentar o alcance das postagens.

Além disso, você também pode optar por criar anúncios para capturar leads e gerar mais tráfego para o seu site ou e-commerce. A configuração dos anúncios é feita dentro da página do Twitter Ads

Tik Tok Ads

O Tik Tok é uma rede social de entretenimento que é bem voltada para o público jovem – portanto, considere anunciar na plataforma apenas se o perfil dos seus clientes for semelhante ao dos usuários.

Além disso, também estude bem essa rede social para entender a linguagem (que é bem própria), para, assim, criar anúncios com conteúdo que despertem a atenção dos usuários. 

Leia também: Como anunciar no YouTube Ads

Dicionário de siglas para anunciar em redes sociais

Bom, ao anunciar em redes sociais, você vai se deparar com uma série de siglas em relação aos custos que pagará pelas campanhas de anúncios.

Vamos entender rapidamente o significado delas:

  • CPC (Custo por Clique): é um dos custos mais utilizados ao anunciar em redes sociais. Nele, você define previamente o preço do clique e paga apenas pela quantidade de cliques que as pessoas deram no anúncio. 
  • CPM (Custo por Mil): esse custo também é muito utilizado. Você define previamente o preço do anúncio e a cada 1.000 visualizações, você paga por ele. Lembre-se que visualização é diferente de clique; você paga quando o anúncio aparecer para a pessoa (mesmo que ela não clique nele). 
  • CPA (Custo por Aquisição): esse é o custo pago a cada conversão do anúncio.
  • CPD (Custo por Disparo): esse tipo de custo é mais frequente no LinkedIn Ads e, nele, você paga a cada disparo de anúncio. 
  • CPV (Custo por Visualização): esse tipo de pagamento é feito para anúncios em vídeo. Você paga sempre que ele for visualizado – lembrando que você é quem define o valor a ser pago.
  • CPE (Custo por Engajamento): nele, você define o custo e paga sempre que o usuário interagir com o anúncio – por exemplo: sempre que clicar no link, ver o vídeo, curtir, compartilhar, etc. 

Dicas para começar a anunciar em redes sociais 

Documente a sua persona 

Essa etapa é muito importante, pois é a partir dela que você conseguirá configurar seus anúncios nas redes sociais.

Trace os perfis de seus clientes e construa uma persona (ou várias) que represente o seu cliente ideal. Considere interesses, faixa etária, estado civil, localização geográfica, hobbies e todas as informações que te ajudem a construir esse perfil. 

Defina os objetivos dos anúncios

Ao criar anúncios nas redes sociais, você vai perceber que você cria, primeiramente, campanhas

Cada campanha pode ter um objetivo específico. Por exemplo:

  • Conversão em vendas;
  • Aumentar a audiência e o engajamento no perfil;
  • Gerar mais leads.

Dessa forma, dentro de cada campanha, você cria vários anúncios que ajudam a cumprir os objetivos. 

Defina as redes sociais onde os anúncios serão criados

Muita gente pensa que é preciso estar em todas as redes sociais, mas isso é um engano.

Você precisa concentrar os seus esforços (e orçamento) apenas nas redes sociais em que seu público está. Se ele está apenas no Facebook e no Instagram, ok – foque em investir em anúncios nessas plataformas. 

Mas não deixe de realizar pesquisas periodicamente para saber se a sua persona já migrou ou pretende migrar para outras plataformas. 

Estipule orçamento para as campanhas

Persona definida, objetivos definidos e perfis nas redes sociais certas? Então está na hora de estipular um orçamento para as campanhas de anúncios.

Lembre-se que é você que estipula os gastos diários com os anúncios (exceto no LinkedIn, que já tem uma quantia mínima que deve ser gasta). Se ainda não tem experiência, comece com pouco e vá testando aos poucos os resultados para aumentar o ROI.

Monitore a performance dos anúncios

Depois que os anúncios estiverem rodando nas redes sociais, é preciso monitorá-los. 

No meio do caminho, pode surgir a necessidade de ajustá-los, de criar novos anúncios e até de excluir alguns que não estejam gerando resultados. Então, separe um tempo em sua rotina para essa verificação e análise das redes sociais

Precisa de ajuda para anunciar nas redes sociais?

Anunciar em redes sociais abre um leque de oportunidades para conquistar mais clientes, aumentar as vendas e construir uma marca forte. 

No entanto, é sempre bom ficar de olho, pois de tempos em tempos, novas redes sociais podem surgir, enquanto outras desaparecem.

Sabemos que esse tipo de trabalho requer tempo e pessoas especializadas para saberem gerenciar os anúncios e analisar os resultados.

Pensando nisso, a equipe da A7B pode te ajudar! Oferecemos um serviço chamado Mídia de Performance, no qual gerenciamos todas as suas campanhas de anúncios nas redes sociais. 

A nossa equipe foi treinada diretamente pelo Google e pelo Facebook e pode te ajudar a criar uma estratégia de anúncios eficiente.

Saiba mais detalhes sobre a nossa Mídia de Performance e agende já uma conversa!

Inscreva-se em nossa newsletter!